Arquivo da tag: Viagens

Dicas Bepantol Baby – Verão: dicas para manter saudável a pele do bebê durante a estação mais quente do ano

 Verão baldinho

Bepantol® Baby sugere alguns cuidados para manter os pequenos longe de irritações como assaduras e brotoejas

No verão, a pele do bebê, que já é sensível, necessita de atenção especial devido às altas temperaturas, que favorecem o aparecimento de irritações pelo corpo, como as assaduras e as brotoejas. Pensando na importância de manter o bebê saudável na estação, Bepantol® Baby sugere alguns cuidados essenciais para evitar problemas de pele nos pequenos.

É no verão, por exemplo, que as assaduras tendem a aparecer com mais frequência. Trata-se de uma inflamação cutânea causada principalmente pelo contato da pele com as fezes e a urina. Comum entre bebês e crianças pequenas, deixa vermelha a região afetada, com uma lesão levemente inchada que pode se estender para outras áreas ao redor se não houver o tratamento adequado.

 “A assadura, dependendo do grau, incomoda bastante, podendo causar dor e deixar o bebê inquieto. Por isso, prevenir é fundamental”, ressalta a gerente médica de Consumer Health da Bayer, Juliana Machado.

Outro problema de pele muito comum no verão é a brotoeja. Identificada pelas pequenas bolinhas avermelhadas que aparecem geralmente em locais de dobras da pele, como pescoço, axilas ou na região das fraldas, ela pode causar coceira, leve ardor, além de se tornar porta de entrada para infecções. Essas indesejadas irritações são ocasionadas pelo bloqueio dos poros, por onde a pele elimina o suor, e afetam especialmente os bebês.

Para evitar a transpiração e o calor excessivo, os pais devem optar por vestir as crianças com roupas leves e confortáveis, priorizando os tecidos de algodão, que permitem uma melhor absorção da transpiração em relação aos sintéticos. E nos dias muitos quentes, o recomendado é manter os pequenos em locais frescos e arejados, na sombra e ao ar livre.

“Limpar bem a pele do bebê e aplicar o creme antiassaduras em todas as trocas pode ajudar a evitar a assadura”, reforça a Dra. Juliana.

Sobre Bepantol® Baby

Sempre pensando no bem-estar da mãe, do pai e, claro, dos filhos, a Bayer oferece Bepantol® Baby, a evolução dos antiassaduras. O creme da marca penetra na pele do bebê, deixando-a mais resistente contra as assaduras. O produto possui dupla proteção, pois cria uma barreira transparente e tem pró-vitamina B5, que age aumentando a resistência da pele contra assaduras. Além disso, Bepantol® Baby é de fácil aplicação e remoção. Bepantol® Baby também não contém fragrâncias, corantes e conservantes que podem irritar a pele sensível do bebê.

Preço médio sugerido de Bepantol® Baby: 30 gramas – R$ 16,10 / 60 gramas – R$ 27,30 / 100 gramas – R$ 42,30

Bepantol Baby

Imagens: Google

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone

Quais as doenças mais comum, em crianças, no verão e como proteger seu filho

 

Eu fico contando os dias pro verão chegar (mesmo com o clima doida do SP, que as vezes, o verão tá tão frio que parece inverno… ou vice versa kkkkk).

No verão passado fomos passar o reveillon e alguns dias de férias em Maragogi / AL. Sempre passei minhas férias de verão lá, desde que me entendo por gente. E quero que Heitor também passe as dele e que ele tenha lembranças tão boas quanto as que eu tenho até hoje.

Depois de uns dias que chegamos, ele teve uma super diarréia… conversei com a médica dele pelo whatsapp (santa tecnologia) e resolvemos bem a situação.

Além da diarréia, tem outras doenças tipicas do verão. Vou falar um pouquinho de cada uma delas e dar algumas dicas de como cuidar.

Insolação

Com belos dias ensolarados, entre as doenças mais comuns no verão, a insolação tem o seu destaque. Se o seu filho é daquelas crianças que adora brincar durante a tarde ou manhã no sol, ele já deve ter passado por isso. A insolação causa o aumento da temperatura do corpo. Para tratar, são indicados banhos com água gelada e a hidratação constante com líquidos.

Desidratação

Por ser um período quente, no qual as crianças se sentem mais dispostas para fazer brincadeiras na rua, correndo e pulando, a desidratação se encaixa entre os transtornos, problemas e doenças mais comuns no verão. A dica para evitar é sempre dar líquidos para a criança, de preferência água ou suco de frutas. Se o seu filho começar a sentir enjoos e diarreia, leve-o para uma consulta ao médico. Ampliando o tratamento da desidratação, o consumo do soro caseiro é indicado.

Conjuntivite

Doença onde a conjuntiva dos olhos infecciona. As crianças podem pegar a doença por meio de contato direto com infectado. A bactéria pode ser encontrada nas mãos, toalhas, lenços e até mesma na piscina. Os sintomas envolvem coceira, sensação de desconforto, inchaço e pus. Caso o seu filho tenha a doença, use toalhas separadas e lave as mãos após ter o contato com os olhos.

Diarréia

Neste caso, as idas ao banheiro se multiplicam, e as fezes ficam menos consistentes. Para evitar a enfermidade é indicado a lavagem das mãos constante, o uso de álcool gel, a lavagem de todas as frutas e verduras que forem consumidas e o cuidado com os alimentos consumidos fora de casa.

Micoses

Um clássico das doenças mais comuns no verão. A pele úmida é um prato cheio para os fungos que causam a micose. Os casos, vistos normalmente em praias ou piscinas causam desconforto, já que lesões vermelhas que escamam aparecem em áreas como virilhas, pés e unhas. Assim que você notar a doença em seu corpo, marque um horário com um médico dermatologista para que pomadas antifúngicas sejam indicadas.

Bicho geográfico

Evitar que a criança caminhe de pés descalços é uma das formas de evitar que o bicho geográfico cause problemas. Esse bichinho é um parasita e fica embaixo da sua pele. O tratamento do bicho geográfico, uma das doenças mais comuns no verão, pode ser feito através de remédios ou de pomadas.

 

Fonte: http://vivomaissaudavel.com.br/saude/crianca/veja-quais-as-doencas-mais-comuns-no-verao-em-criancas/

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone

VIAGENS DE AVIÃO – Vôos longos – Heitor 6 meses

 

IMG_3784

Menos de 1 mês depois da primeira viagem de avião de Heitor, viajamos pra Nova Iorque. E ele foi conosco, claro. Mesmo sendo uma viagem longa e internacional, como já tínhamos ido pra lá eu estava relativamente tranquila.

Li muito sobre o assunto e o primeiro passo foi escolher um vôo a noite, assim Heitor dormiria o vôo inteiro (e começar a rezar, pra dar certo kkkk). Fiz todo um cronograma do vôo, coordenei as refeições dele para dar a mamadeira na hora da decolagem e da aterrissagem, fiz as papinhas salgadas e congelei (as frutas eu dei normalmente as de lá)… enfim, tudo certo.

Para o armazenamento das papinhas, eu coloquei uma fralda no fundo de uma bolsa térmica, coloquei uma bolsa de gel congelada (daquelas que a gente usa pra colocar em contusões) e só depois coloquei as papinhas. Deixei pra tira-las do congelador bem na hora de sairmos. O frigobar do nosso hotel tinha um mini congelador e deu pra armazenar tudo lá, sem maiores problemas. Caso não tivesse, o meu plano B era pedir pra armazenarem na cozinha do hotel. Ah, um detalhe: deixei a bolsa termina no congelador de casa, um dia antes da viagem. Quando ele ia comer, pedia pra esquentarem no microondas e pronto. Heitor comia a comidinha dele de sempre e ficava com o bucho cheio.

No vôo aconteceu tudo como esperado. Ele mamou na hora que o avião tava decolando e logo depois dormiu. Como a gente tinha pedido aqueles bercinhos, ai foi só coloca-lo lá e ele dormiu o vôo inteiro (confesso que fiquei um pouco com medo, vai que roubam ele no vôo. Oi? #aloca). E eu fui dormir também… #sqn! Fui atualizar os filmes que eu queria ter visto e ainda não tinha tido tempo!

Os dias lá foram super tranquilos. A temperatura estava ótima. Nem estava aquele calor de derreter, como no verão e nem estava frio (Quem é feliz no frio, minha gente? Eu não! :/). Só um dos dias que foi mais frio, mas nada demais.

Ficamos no Empire Hotel, na 44 West com a 63Rd. Ao lado do Linconl Center e vizinho do P.J. Clarks (gordinha fellings). Também bem pertinho do Central Park, do Columbus Circle, 5 Avenida, etc…

Igor foi a trabalho, por isso eu saia com Heitor sozinha pra passear e no final do dia encontrava com ele. Ah e conseguíamos almoçar juntos também.

Heitor deu trabalho zero! E olhe que os dois primeiros dentinhos dele apontaram no segundo dia da viagem. Sem febre, sem abuso, sem choradeira!

Passeamos bastante e Heitor amou.

Na volta fiz o mesmo esquema da ida. Pegamos um vôo noturno, organizei as refeições dele durante o dia pra ele tomar o gagau na decolagem e aterrissagem, etc… Mais uma vez, parabéns pro meu pequeno. Deu tudo certo e agora era só programar a próxima viagem.

IMG_3844   IMG_3853

IMG_3821  IMG_3828

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone

VIAGENS DE AVIÃO – vôos curtos – Heitor: 5 meses

IMG_3703

IMG_3730

A gente sempre está viajando, seja pra Recife ou pra outros lugares. Por isso vou falar um pouco das viagens, de acordo com o tempo que Heitor estava em cada uma delas e duração da viagem em si. Pra começar….

A primeira viagem de avião foi pra Recife (né?!) e ele só tinha 5 meses, em agosto de 2014. Fomos padrinhos de casamento de um casal super querido, que também moram aqui em SP, mas já eram nossos amigos em Recife, de longa data.

Nessa mesma viagem aproveitamos e decidimos que fariamos o batizado de Heitor também. Iriamos passar 10 dias e ai consegui organizar tudo com antecedencia pra “matar dois coelhos de uma vez só”.

Eu estava com muito medo de como ele se comportaria no avião. Então compramos as passagens para horários que eu sabia que ele estaria dormindo. Dei o gagau, que é como os pernambucanos chamam o leite (depois aprendi que em São Paulo se chama tetê) na hora da decolagem e ele capotou. Dormiu o vôo todo, só acordou quando já estavamos em solo pernambucano.

Na epoca ele comia frutinhas e / ou papinhas de frutas e papinha de legumes (tava começando a comer). Fiz todas as comidinhas dele antes, congelei e as levei numa bolsa termica que deixei também previamente no congelador.

No dia que a gente chegou tínhamos um jantar do casamento que os noivos ofereceram pros padrinhos. Era a primeira noite que eu deixava Heitor pra sair só com meu marido. Foi bem tenso (pra mim, claro, porque ele ficou no braço do meu cunhado e nem ligou quando a gente saiu). Caio (cunhado) que deu o gagau e colocou Heitor pra dormir. Eu fiquei morrendo, mas tentei aproveitar o jantar. Primeiro vale nigth a gente nunca esquece.

A pedidos da noiva Tia Vic, levei Heitor pra cerimonia do casamento e ele se comportou muito bem, mesmo com calor (além de fazer o maior sucesso, claro! #maeostentado). Depois meu cunhado foi busca-lo, deu o gagau quando chegou em casa e o colocou pra dormir. Ai mamãe e papai ganharam outro vale nigth!!! Uhu!! <3

A semana foi bem tranquila. Deixei Heitor na casa da Dindinha dele pra ir no salão num dos dias e ele ficou super bem também (mamãe só aproveitando as folgas).

No batizado dele, como sempre, ele se comportou bem. Rindo pra todo mundo, não estranhou ninguem e nem na hora de molhar a cabeça ele chorou, só queria ficar brincando com a agua ou com a roupa do padre. Ápos a cerimonia de batismo, fizemos um almoço pra comemorar junto com as nossas famílias, ele almoçou e depois dormiu o soninho da tarde tranqüilamente.

Na volta fiz o mesmo esquema do gagau na decolagem, ele dormiu o voo todo e acordou já em Sampa. Em ambos os voos, como duram em média 3 horas, tinha uma frutinha pra ele, caso ele acordasse eu daria antes da aterrizagem e ai não teria perigo dele ficar com dor de ouvido.

A viagem foi ótima. Churrasco com os amigos e de quebra Heitor ainda conheceu (ambos fora dos buchos das mães) uma pretendente, Alice.  O casamento foi lindo e emocionante e Heitor se comportou muito bem. O batizado foi uma festa e matamos um pouco a saudade da família.

Quinta-feira vamos de novo pra Recife, ai conto aqui como foi a experiência dessa vez.

Crédito: MMNED

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone