Arquivos da categoria: Enxoval

Dentes saindo e colar de âmbar – minha opinião real e sincera

Artur esta com os dentes saindo. Ja foram quatro, mais um que acabou de rasgar e outro que esta vindo ai também.

E sabe o que isso significa? Que ele fica com uma diarréia eterna e com o sono, que já não é lá essas coisas, péssimo e, consequentemente, eu viro praticamente um zumbi.

Na epoca de Heitor foi super traquilo. Eu so sabia que vinham dente quando a gengiva ficava super branca e / ou ja rasgava. Ele não tinha absolutamente nada.

Tentei de tudo, chá de camomila, Nene Dente, Camomilina C… até banho com o proprio chá de camomila eu dei. #aloka

Foi ai que me rendi ao colar de âmbar.

Continue lendo

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone

Deschupetização de Heitor

Fui uma criança que chupou chupeta e não queria que meus filhos usassem também. Como parei de usar meio grandinha, lembro que foi bem doloroso o processo da “deschupetização”. Na época, troquei a chupeta por uma boneca da Mônica (uma que tinha a maior cabeça do mundo, sem contar que era dura e pesada demais pro corpo e vivia pendendo. Quando ela batia na gente dava a maior dor) .

Na maternidade, na semana que Heitor passou na UTI Neonatal, a pediatra disse que seria bom darmos uma chupeta pra ajudá-lo a coordenar a respiração. Por isso resolvemos dar.

Bom, a princípio queríamos tirar a chupeta quando ele fizesse dois anos, mas como fizemos o desfralde dele na semana do aniversário e Artur estava prestes a chegar, resolvemos esperar.

Comecei a conversar com ele sobre a possível troca da chupeta com o papai Noel e ele reagia bem as nossas conversas até que chegou o grande dia…

Continue lendo

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone

Quando descobri que estava grávida… – Parte 3 – SURPRESAAAAA

SURPRESAAAA

image2

 

Minha menstruação atrasou e eu nem percebi. Ai, depois de um tempão sem tomar Coca-Cola, tomei um gole da de Igor e achei o gosto estranho. Ai me dei conta do atraso da menstruação e Plim! A ficha caiu.

No outro dia fiz o exame de farmácia e lá estava eu, mais grávida do que nunca.

Sabia que setembro eram as férias de Dr. Carlos, ai (#aloka) marcou outro médico, fiz todos os exames, ultra e já marquei a ida pra Dr. Carlos. Nesse meio tempo iríamos pra Recife, comemorar meu aniversário lá. Fiquei com bastante medo de viajar de avião, mas liguei pro meu médico, falei com outro médico também e eles falaram que não tinha problema.

Também não contamos a ninguém, exceto a Brenda (que é a madrinha de Heitor e vai ser a madrinha do bebê também), pois como eu não podia fazer nada muito pesado (inclusive pegar Heitor no colo por muito tempo), ela que iria me ajudar com ele.

No final de outubro fomos de novo pra Recife e ai não tinha como esconder, porque minha barriga já estava aparecendo (mais gordura do que bebê, é verdade) e eu estava com 9 pra 10 semanas. Contamos as pessoas mais próximas ou aquelas que iríamos encontrar. Eu também acredito que do mesmo jeito que desejamos o bem pros outros, tem pessoas invejosas que nos desejam o mal (mesmo que inconscientemente), então como cautela e canja de galinha não faz mal a ninguém… E o engraçado é que as reações das pessoas foram exatamente como eu esperava, alguns com reações negativas e pitis por eu estar grávida e por outros motivos que não vem ao caso, por incrível que pareça (alguém ai vai comprar leite e fralda pro meu filho? Oi?), mas a grande maioria ficou tão feliz como nós estamos.

Heitor ainda meio que abstrai a informação que vai ganhar um irmãozinho, mas quando o bebê nascer ele já vai estar com 2 anos e 2 meses, ai vai entender mais.

Agora estou com 15 semanas e a gravidez esta correndo super tranquila. Os enjôos foram embora (dessa vez enjoei muito mais do que da gravidez de Heitor).

A notícia triste é que não vamos pra Recife no final do ano. Como esta tendo um surto de bebês com microcefalia e que muito provavelmente ele é transmitido pelo mosquito da dengue para as mães que pegaram a Zika, achamos melhor não me expor a sorte. Estou bem triste mesmo, fico contando os dias para essa viagem de férias (mesmo indo várias vezes pra lá durante o ano)… agora vamos ver qual vai ser nossa programação do natal e do reveillon. Por que o importante é o bebê estar e ficar bem.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone

Ecotrends

image

Sempre achei aquelas fraldas de piscina e praia estranhas… Terminava usando por não ter outra opção. Foi ai que conheci a Ecotrends.

A Ecotrends é nasceu em 2013 com o propósito de confeccionar um produto simples sem esquecer de contribuir para um futuro melhor para as próximas gerações. Por isso, Débora Casa e Andrea Garcia criaram uma marca que é 100% nacional e composta por duas linhas de produtos, que além de práticos e estilosos, são ecológicos.

A linha Swinwear foi desenvolvida pensando no conforto e na praticidade das mamães e dos bebês nos momentos de lazer na praia ou na piscina.

As bermudas, sungas, maiôs e  biquínis, já vem com fraldinha interna substituindo as fraldas de piscina descartáveis. São laváveis e reutilizáveis, portanto econômicas e ecológicas. As peças são confeccionadas com tecido biodegradável e com proteção solar. Para completar o visual, a linha inclui chapéus, camisetas e roupões; tudo com estampas lindas e exclusivas para deixar o bebê protegido com muito estilo.

Foi por causa dessa linha que eu conheci a empresa e confesso que estou bem satisfeita com a escolha que eu fiz para esse verão. Dei tchau as fraldas descartáveis de piscina e Heitor não fica mais com aquelas fraldas pesadas e que esquentam tanto.

IMG_5902

Foto: MMNED

Já a linha Ecoboom foi desenvolvida pensando no conforto e bem estar no dia a dia dos bebês e suas diferentes fases.

Composta por calcinhas/cuequinhas de transição, substituem as fraldas “pull-up” descartáveis. Ideais para o período de desfralde, evitam os acidentes de percurso, e o melhor, são laváveis e reutilizáveis. Fabricadas em algodão são muito confortáveis e estilosas.

Heitor ainda não esta na fase de desfralde (o que vai acontecer jájá), mas com certeza quando ele entrar nessa fase, usar a linha Ecoboom.

image

image image image  image

Fotos: Ecotrends

Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone